Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

Quem está no controle da sua vida?

"Controlar alguém é tentar fazer com que se comporte de uma forma que seria confortável para quem supostamente está no controle." (JCM)







Basicamente, todas as pessoas se controlam mutuamente, das mais diversas formas, portanto todos somos controlados e controladores simultaneamente. 
O que torna uma relação adoecida é a forma como estes controles são impostos, uma vez que podem assumir diversas formas, desde um simples olhar, à mais dura demonstração de agressividade.
Porque existe controle?
Os indivíduos tentam controlar o ambiente em busca de gratificações, ou para garantir a manutenção da zona de conforto, onde nada pode sair do lugar, pois as modificações (sejam elas boas ou ruins) implicam em novas formas de adaptações e isto nem sempre é um processo fácil. Geralmente as atitudes de controle excessivas ocorrem porque algumas pessoas precisam a qualquer custo ocultar sua fragilidade e insegurança, pois não desenvolveram um repertório comportamental e emocional para lidar com s…

Diferença entre: atração, desejo, paixão e amor.

Diferença entre: atração, desejo, paixão e amor. É muito comum que as pessoas confundam emoções com sentimentos. 

Emoções são reações primárias que ocorrem em nosso organismo diante de um estímulo; o sentimento é a interpretação deste estímulo.
Se a separação entre emoções e sentimentos é algo difícil, classificar sentimentos é praticamente uma "missão impossível". Tentarei aqui fazer uma reflexão aproximativa. Aceito comentários e sugestões.


Atração:
Somos programados para detectar estímulos bonitos (embora o conceito de beleza seja idiossincrático, ou seja, varia para cada um de nós). Deste modo, facilmente somos atraídos por aquilo que consideramos belo. 
É a admiração inicial por alguém, que pode ser focal como admirar  partes do corpo de alguém (olhos, boca, etc) ou o desempenho que alguém demonstrou na execução de uma tarefa (jogar futebol, tocar um instrumento, etc), ou ainda pela forma que alguém se veste.
Logo, a atração não passa deste ponto: se passar, já podemos conside…

Pessoas românticas

Pessoas românticas
Pessoas sonhadoras tendem a ter muita inspiração, criatividade sensibilidade acima da média. Imaginam um mundo cor-de-rosa onde as coisas obedeçam padrões de bondade, beleza, riqueza impossíveis.
De modo geral estas pessoas não percebem com clareza que estão idealizando um mundo utópico, o que desemboca em incessantes decepções.
Romantismo
Tais pessoas tendem a romantizar todas as áreas da vida, desde as atividades de lazer, os relacionamentos afetivos, até mesmo o trabalho. 
A romantização, por si só não é nociva, ao contrário, é o tempero das nossas atividades. Porém o romantismo em excesso tende a cansar as pessoas em volta, pois de forma inconsciente, o indivíduo romântico faz cobranças,  muitas vezes exigindo que os outros sejam da mesma forma que ele.
Desta forma, você  se decepciona, uma vez que as pessoas não correspondem ao seu ideal de mundo romântico, oque pode levar ao autoengano constante, amores platônicos e outras situações constrangedoras e/ou autodestruti…

Mecanismos de defesa nas relações afetivas

Mecanismos de defesa nas relações afetivas
Até ontem, você vivia uma vida relativamente tranquila, apenas com seus problemas cotidianos, levando sua rotina de forma estável. Mas hoje tudo é diferente: seu coração bate descompassado, você perdeu subitamente o apetite, está com alguma dificuldade para conciliar o sono. Isto para dizer o mínimo, porque sua produtividade sofreu um abalo: aquilo que você conseguia fazer com muita prática, hoje está demandando um esforço imenso, pois sua capacidade de concentração está comprometida e sua ansiedade está em “nível hard”.




Até ontem, você conseguia pensar nas contas a pagar, nos relatórios a entregar, nos prazos a cumprir; conseguia sair com os amigos, conversar vários sobre assuntos variados, olhar para diversas pessoas e admirar algumas. Mas hoje você está diferente: sua atenção está voltada para um único foco: o objeto de sua paixão. Você não se deu conta de como, nem quando isto aconteceu, afinal não estava esperando por isso! Mas aos poucos fo…

Solidão

Ando só
Como um pássaro voando
Ando só
Como se voasse em bando
Ando só
Pois só eu sei andar
Sem saber até quando Ando só
(Humberto Gessinger - Ando só)

Solidão é um conceito bastante controverso, embora pareça tão óbvio. Alguns teóricos vão defini-la como:

Isolamento social – trata-se operante público, levando o indivíduo a se esquivar propositalmente das formas de interação social, compreendendo que é mais gratificante se isolar, a fim de evitar ambientes punitivos ou pouco reforçadores. Pode ser conceituado como a insuficiência de habilidades sociais para estabelecer ou manter interações sociais íntimas, criando uma lacuna intransponível entre os indivíduos. (SÁ et al, 2006). 
Solidão – trata-se de um operante privado, entendida na Análise do Comportamento como “uma forma atenuada de frustração devido à interrupção de uma sequencia estabelecida de respostas que foram positivamente reforçadas pelo ambiente social” (SKINNER, 2007, p. 181), podendo desencadear emoções como a raiva, o medo ou a tr…