Pular para o conteúdo principal

Como melhorar a autoestima


O que é autoestima?

De acordo com a morfologia, "auto" significa "próprio", "self", "si mesmo"; estima quer dizer "apreciar", "gostar".

psicologa bradesco| Psicóloga amil| psicóloga sul américa| Psicóloga São Paulo





Portanto, autoestima poderia ser reduzida a simplesmente “gostar de si mesmo”.  Esta forma de entendimento não está incorreta, mas incompleta.  

Para alguns teóricos (Dini, Rodrigues; Ferreira, 2004), a autoestima envolve alguns fatores:

1 -  satisfação pessoal;
2 – sentir-se qualificado para algumas tarefas;
3 – reconhecer as próprias qualidades (e defeitos);
4 – sentir-se satisfeito com as próprias realizações;
5 – sentir-se útil;
6 – ter consciência adequada dos seus valores;
7– reconhecer as vitórias e as derrotas;
8 – manter atitude positiva

Porem, o conceito é mais amplo, envolvendo a boa capacidade de socialização, adaptação, a capacidade de enfrentamento de situações adversas, e o justo reconhecimento de seus defeitos e qualidades.

Para ampliar a discussão, é importante que alguns pontos sejam esclarecidos:

Primeiro: Autoestima pode ser flutuante - Um indivíduo pode ter autoestima empobrecida num dado momento, e no momento seguinte em alta! Trata-se de um processo, de uma construção, que pode desmoronar a qualquer momento, mas sua reconstrução requer esforço e mudanças.

Segundo: Autoestima: não é algo que possa ser medido apenas com o olhar. Algumas pessoas podem apresentar uma excelente aparência física, mas não conseguem se sentir bem, ou adequadamente posicionada no seu meio social. O oposto também pode ser verdadeiro: aquele indivíduo que se apresenta com maior simplicidade pode ocultar uma personalidade feliz e realizada.


O que significa "ter autoestima"? 

Significa  ter a capacidade de  reconhecer seus defeitos e qualidades, e desenvolver formas de lidar com suas características, adaptando-se às mais diversas circunstâncias.

De acordo com Nathaniel Baden:


  • Quanto maior a nossa auto-estima, maiores serão as nossas possibilidades de manter relações saudáveis, em vez de destrutivas, pois, assim como o amor atrai o amor, a saúde atrai a saúde, e a vitalidade e a comunicabilidade atraem mais do que o vazio e o oportunismo.
  • Quanto maior a nossa auto-estima, mais inclinados estaremos a tratar os outros com respeito, benevolência e boa vontade, pois não os vemos como ameaça, não nos sentimos como “estranhos e amedrontados num mundo que nós jamais criamos” (citando um poema de A. E. Housman), uma vez que o auto-respeito é o fundamento do respeito pelos outros.
  • Quanto maior a nossa auto-estima, mais alegria teremos pelo simples fato de ser, de despertar pela manhã, de viver dentro dos nossos próprios corpos. São essas as recompensas que a nossa autoconfiança e o nosso auto-respeito nos oferecem.  

Não é algo que possa ser medido apenas com o olhar. Algumas pessoas podem apresentar uma excelente aparência física, mas não conseguem se sentir bem, ou adequadamente posicionada no seu meio social. O oposto também pode ser verdadeiro: aquele indivíduo que se apresenta com maior simplicidade pode ocultar uma personalidade feliz e realizada.

Portanto, não é adequado julgar os indivíduos pela sua aparência ou postura, uma vez que nem sempre os bem aparentados tem autoestima elevada.Compete a cada um reconhecer suas características.

Como melhorar a autoestima
Algumas dicas.....

1. Forme conceitos sobre si mesmo (a) sem depender dos outros;
2. Tome atitudes;
3.  Enfrente seus medos gradualmente;
4. Enfrente a crítica de cabeça erguida  - todos nós, em algum momento, receberemos críticas, e nem por isso seremos aniquilados (as);
5. Em contrapartida, evite as críticas desnecessárias, pois sua atitude crítica em relação aos outros faz com que você seja mais crítico e exigente em relação a si mesmo (a)
6. Aceite-se exatamente como é, sem comparações desnecessárias. Afinal qual o propósito das comparações?  
7. Aceite que muitas pessoas gostarão de você como você é, mas outras não gostarão. Nem por isso você deve mudar seu jeito. Portanto aceite que não é possível agradar a todos.


Referência:

DINI, Gal Moreira; RODRIGUES, Mariana; FERRIRA, Lidia Masako.
Adaptação Cultural e validação da versão Brasileira da escala de autoestima de Rosemberg.
São Paulo.
Revista Soc. Bras. Cirurgia Plástica
V. 19; N1, p. 41-52, jan/abr 2004

Nota:
Obedecendo ao novo acordo ortográfico o correto é autoestima, junto. A forma auto estima separado e sem hífen não existe mais.


*Psicólogo**Psicóloga**Psicólogo Online**Psicologo Bradesco SAÚDE *,*Psicologo Amil*, *Psicologo Sulamérica*, *Psicologa Bradesco Saúde*,*Psicologa Amil*, *Psicologa INTERMÉDICA*, *Psicologa Allianz*,*Psicologo Vila Mariana**Terapia de casal bradesco sp**Terapia de casal SULAMÉRICA sp**Terapia de casal Amil sp**Terapia de casal Intermédica sp**terapia para depressão*terapia para ansiedade


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como esquecer alguém?

Você estava em um relacionamento, que parecia promissor, mas de repente

As coisas começaram a desandar, e o inevitável término chegou....
ou
Estava tudo bem, mas a outra parte resolveu se desligar da relação.

Enfim, houve uma ruptura na relação, mas não no vínculo (pelo menos, da sua parte).

Supondo que todas as tentativas de reconciliação já foram esgotadas, não há muito o que fazer: o jeito é esquecer a pessoa e partir para outra relação, ou ficar algum tempo sozinho (a).

Mas como se esquece alguém?

Esta pergunta não tem resposta fácil, nem fórmula, nem dicas que funcionem de maneira eficaz, pois depende de como o indivíduo funciona afetivamente. 

No entanto, uma coisa é certa: para esquecer alguém é preciso:

1- Querer. 
O pensamento no outro não desaparecerá se você alimentá-lo. É preciso imposição de uma poderosa força de vontade, e capacidade de lidar com a dor e o vazio. Não dá pra esquecer alguém quando não se quer esquecer.

2-Força de vontade
Não basta querer. 

É preciso sustentar este que…

Psicóloga sp - Crianças, adultos, casais | psicologa convenio | Psicologa Planos de saude | Bradesco | Amil | Sulamerica | Omint | Porto seguro

Psicóloga sp - Crianças, adultos, casais | psicologa convenio | Psicologa Planos de saude | Bradesco | Amil | Sulamerica | Omint | Porto seguro Atendimento por reembolso. Saiba Mais.

Maris V. Botari - Psicóloga Clínica - CRP-SP - 06/121677 Desenvolvendo Habilidades Afetivas e emocionais. 

Psicoterapia para: Crianças, Adultos e Casal 

Psicologa Bradesco, Amil, Sulamérica, Omint , por reembolso

Agendamento de 1ª consulta psicológica Whatsapp (11) 9-9984-9910

Email: psicologamaris@gmail.com
Sites:Psicologia Sem FronteirasPsicologia dos RelacionamentosPsicoterapia em São Paulo
Psicoterapia: ajudando a adquirir ou manter a qualidade da vida afetiva, pessoal e emocional.

Tratamentos indicado para:
Ansiedade, Depressão, dificuldade de relacionamento (afetivo, social, profissional e familiar), necessidade de aceitação, baixa autoestima,lidar com sentimento de culpa, como manter um relacionamento feliz, carência afetiva, dependência emocional, desmotivação, estresse, dificuldade de comunicação, di…

Término de relacionamento. Por que a superação é tão difícil?

O rompimento das relações afetivas provoca sofrimento comparado ao luto: falta de ar insônia, palpitações, taquicardia, são sintomas que tendem a surgir quando um indivíduo é rejeitado.
El fuego me recorre el cuerpo- el dolor de amarte. El dolor me recorre el cuerpo con las llamas del amor que siento por ti. La enfermedad del amor por ti me inunda el cuerpo. El dolor es como un furúnculo a punto de explotar de mi amor por ti. Consumido por el fuego de mi amor por ti. Recuerdo lo que me dijiste. Pienso en tu amor por mí. Me desgarra tu amor por mí. Dolor y más dolor. ¿Dónde te vas con mi amor? Me dicen que te irás de aquí. Me dicen que me abandonarás. Mi cuerpo está entumecido de dolor. Recuerda lo que te he dicho, mi amor. Adiós, mi amor, adiós". (Fisher, p. 11).
Mas porque isto ocorre?
O amor é articulado com as funções cerebrais por meio de dois hormônios que respondem pela estimulação sexual: a vasopressina nos homens e a ocitocina, nas mulheres. Estas substâncias favorecem a for…