Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

Perdas, abandonos e solidão

"Quando você foi embora, fez-se noite em meu viver

Forte sou, mas não resisto, hoje tenho que chorar" (Milton Nascimento - Travessia)
Falar sobre perdas, abandonos e solidão não é assunto fácil, tampouco esgotável, uma vez que existem diversos tipos de perdas e cada indivíduo processa os prejuízos emocionais de forma diversificada.

Fazendo um recorte bem sucinto do tema, vou me limitar a falar apenas sobre os relacionamentos amorosos. Em outro momento falarei sobre outras perdas e suas dores.

O início da relação afetiva:
Quando os indivíduos encontram "um certo alguém" que lhe pareça estranhamente familiar, com mais semelhanças que diferenças, inicia-se o processo de apaixonamento, que nada mais é do que a admiração acentuada. Nesta fase é comum pensar neste outro constantemente. Se houver reciprocidade, existe uma grande possibilidade de haver um relacionamento, desde que outros fatores não impossibilitem.

A relação em si
O tempo e a convivência criam novos hábitos, mudam…

Psicologa atende saúde Bradesco em São Paulo

Psicóloga saúde bradescoPsicoterapia:  ajudando a manter a qualidade da vida afetiva, pessoal e emocional. Tratamentos  indicado para: Ansiedade, Depressão, dificuldade de relacionamento (afetivo, social, profissional e familiar),  necessidade de aceitação,  baixa autoestima, lidar com sentimento de culpa, como manter um relacionamento feliz,  carência afetiva, dependência emocional, desmotivação, estresse,  dificuldade de comunicação, dificuldade de demonstrar afeto, dificuldade de expressar sentimentos. Ajuda emocional Orientações e aconselhamentos.  Primeira consulta psicologica grátis. Crianças, adultos, idosos, casais e grupos.

Maris V. Botari Psicóloga Clínica CRP-SP - 06/121677 Agendamento de 1ª consulta psicológica Whatsapp (11) 9-9984-9910 Email: psicologamaris@gmail.com Sites: http://www.psicologiasemfronteiras.com.br http://www.psicologiarelacionamentos.com.br http://www.psicoterapia-sp.com.br Consultório Rua Domingos de Morais, 770 – bloco 01 – sala 05 Sobreloja

Ciúme patológico: a Síndrome de Otelo

DefiniçãoA palavra ciúme deriva do latim Zellumen, que significa "zelo" "cuidado". Remete à tendência a zelar daquele objeto que apreciamos. Provoca emoções negativas como a raiva e a tristeza, uma vez que surge quando percebe-se a existência de ameaças reais de perdas, portanto trata-se de uma emoção normal, que surge em contextos pontuais.
Há quem diga que o ciúme é o tempero do amor, mas será justo temperar uma relação com o sofrimento alheio?
Sentir ciúme é algo normal, porém as reações podem (e devem) ser controladas. Ciúme normalÉ normal sentir ciúme podem ocorrer quando o (a) parceiro (a) é claramente cortejado (a) ou corteja outra pessoa, dentro daquilo que o casal entenda como cortejo. Alguns comportamentos invasivos de terceiros, podem exigir que o casal se posicione de maneira firme, para evitar importunações. Infelizmente, isto ocorre com muita frequência. Ciúme patológico